Opinião dos Leitores

Newsletter

Tradutor

Livros & Leituras TV

Entrevistas

O céu pode esperar

Avaliação: / 0
FracoBom 

GÉNERO - Romance Português

alt

É a história do tenente Vítor Romão, aviador da Força Aérea que enfrenta a morte nos céus de Moçambique durante a guerra, quando o seu avião se despenha abatido por um míssil.

Aprisionado pelo inimigo, Romão evade-se e descobre na costa oriental da África o rasto de um outro português, agente do rei de Portugal, que por ali passou séculos atrás. A descoberta arrasta-o do passado para o futuro, seguindo uma enigmática pista, anteriormente perseguida pela Inquisição.

Vitor Romão descobre que nos subterrâneos do mosteiro de Alcobaça se abriga um inesperado segredo: ali foi construído um extraordinário aparelho voador pretendido pelos inimigos de Portugal.

A história percorre três épocas, séculos XVI, XVII e XX, onde se cruzam a busca do sagrado e do amor infinito, da eternidade e dos segredos das organizações clandestinas, da guerra dos seis dias e da exploração do espaço, da herança judaica e da ciência oculta do voo.

O homem sempre olhou para os mistérios do céu em busca de respostas. Sempre espreitou o alto fascinado com as suas observações. Em Alcobaça, Roma, Jerusalém, abundam mistérios que Romão vai penetrando. Quando a verdade finalmente irrompe, tudo faz sentido, tudo se harmoniza com o divino, até o censurável amor entre a freira da Santa Sé e o aviador português.

__________

António Brito

O céu pode esperar

Sextante editora

Comentar


Código de segurança
Atualizar

PUB

NOVIDADES

A FRASE

O amor é como o fogo: para que dure é preciso alimentá - lo. (La Rochefoucauld)

Originais

Opinião